Programa de Empregabilidade

O Programa Empregabilidade tem por principais objectivos desenvolver o ganho das competências sociais e de autonomia funcional para a integração e inclusão em contexto profissional e social

A APSA – Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger, através do seu projeto Casa Grande, promove parcerias com Empresas, disponibilizando um Programa de Empregabilidade que tem por principais objectivos desenvolver o ganho das competências sociais e de autonomia funcional para a integração e inclusão em contexto profissional e social.

Destina-se a jovens/adultos com Síndrome de Asperger (SA), maiores de 18 anos, com o objectivo de os capacitar para a inclusão na vida social e profissional. O trabalho de intervenção com cada jovem/adulto é realizado por uma equipa multidisciplinar de profissionais, que de acordo com o perfil individual de funcionalidade planeia uma intervenção adaptada a cada um.

O Programa é flexível e dinâmico, tendo 5 modalidades possíveis (desde uma experiência comunitária à inserção profissional numa empresa), sendo que a sua execução implica um acompanhamento transversal da tríade: FAMÍLIA-JOVEM-COMUNIDADE, impulsionando um forte impacto social em cada um.

Empresa Receptiva

No âmbito do Programa de Empregabilidade, desenvolvemos o conceito de «Empresa Receptiva», na medida em que são receptivas à diferença, à integração, a novas aprendizagens, à valorização e evolução e sobretudo à inclusão. A Empresa Receptiva é uma organização que deve ter vontade e iniciativa para integrar pessoas com SA em funções reais, valorizando o trabalho realizado.

Todos os recursos humanos da empresa beneficiarão de uma Sessão de formação sobre o que é a SA, características e estratégias para facilitar o relacionamento e comunicação com pessoas com SA. 

A integração de um jovem no Programa de Empregabilidade, assenta numa sequência de actividades:

  • Selecção da modalidade de integração profissional e da empresa de acolhimento.
  • Reunião entre direcção Técnica da APSA e direcção de Recursos Humanos da Empresa de acolhimento.
  • Preparação do Jovem para um processo real de selecção e recrutamento.
  • Participação em contexto real de entrevista de recrutamento.
  • (In)Formação na Empresa de Acolhimento pela APSA sobre as Perturbações do Espectro do Autismo.
  • Selecção de um tutor no local de trabalho que permitirá o acompanhamento nesse contexto e facilitará a integração nas equipas de acolhimento das empresas.
  • Integração do Jovem na Empresa e mediação pela técnica mediadora da APSA.
  • Acompanhamento junto da família, empresa e jovem.
O Programa é flexível e dinâmico, tendo várias modalidades.

A sua execução implica um acompanhamento transversal da tríade, pela APSA: FAMÍLIA-JOVEM-COMUNIDADE, impulsionando um forte impacto social em cada um.


O sucesso da execução do programa é um benefício para todos os que fazem parte dele e portanto o impacto social é integrado e integral, conduzindo a mudanças sociais expressas num maior acolhimento e inclusão das pessoas com SA em contexto de trabalho e na sociedade.
esquema_er.jpg

Testemunhos de Empresas

Conheça as empresas e pessoas que colaboram connosco neste programa

Accenture - Consultores de Gestão S.A.

Quem Somos

A APSA – Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger, é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS), sem fins lucrativos, que nasceu em Lisboa, a 7 de Novembro de 2003, por vontade de um grupo de pais. Assumimos como Missão: Promover o apoio e a integração social das pessoas com Síndrome de Asperger (SA), favorecendo as condições para uma vida autónoma e mais digna.

Newsletter

Receba todas as novidades por e-mail. Clique aqui para subscrever.

Eventos

Abril 2018
Se Te Qu Qu Se Sa Do
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6